sábado, 17 de julho de 2010

Vontade

È só a vontade de te ter por perto
Que faz com que eu me afaste

É só a vontade de te ver feliz
que faz com que eu não te siga

È só a vontade de ficar mais um pouco
que faz com que eu me arrependa

É por amor à vida
que eu limpo a poeira
Do meu coração
Embrulho num plástico colorido
E guardo para dar a quem mereça

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comentem, perguntem, elogiem, critiquem, mas sejam verdadeiros...